FALTAM
101 DIAS
ASSINE NOSSA NEWSLETTER

 

 

 

 

Parceiros de Mídia

Empresas apostam em usinas de asfalto movidas a gás e expõem suas soluções durante a Brazil Road Expo 2013

Publicado em 11 Março de 2013
Copagaz, Ultragaz e Nacional Gás mostram as vantagens econômicas e ambientais do uso do gás no setor de infraestrutura viária e rodoviária

Existe uma solução limpa, barata e economicamente viável para o funcionamento de usinas de asfalto? E ainda capaz de melhorar a produtividade, a qualidade final do produto e ser mais sustentável? Existe e a prova disso é que dezenas de usinas de asfalto no Brasil já trocaram o óleo combustível por Gás Liquefeito de Petróleo em seus processos produtivos. O GLP, além de seu apelo sustentável oferece aumento de produtividade, que pode chegar a 15%. Isso, sem falar na redução de custos na manutenção com troca de filtros, que passam a ser anuais e não mais trimestrais.

É exatamente com o objetivo de mostrar as vantagens e a praticidade do GLP ao segmento de infraestrutura viária e rodoviária da Brazil Road Expo 2013, que acontece de 19 a 21 de Março, no Transamérica Expo Center, em São Paulo, que empresas como a Copagaz, Ultragaz e Nacional Gás resolveram mostrar seus produtos e soluções durante o evento.

A Copagaz, por exemplo, levará um tanque estacionário e um queimador (sistema de combustão) utilizado nos secadores de agregado das usinas de asfalto para expor em seu estande. “Nossa ideia é apresentar aos participantes e visitantes as vantagens proporcionadas pelo GLP no processo de secagem de agregado e aquecimento de CAP deste segmento, tais como redução de custos de manutenção e consumo de energia elétrica, maior eficiência e produtividade, além de se tratar de um produto ecologicamente correto. A Brazil Road Expo é uma das principais feiras do setor, e participar de um evento como esse nos permite fazer contatos com potenciais parceiros, fornecedores, clientes, bem como com outros players do mercado asfáltico”, comenta Vicente Longatti, gerente nacional de vendas industriais da Copagaz.

Por ter um poder calorífico muito superior ao óleo, que precisa atingir 150°C para chegar à combustão, o gás não precisa passar por nenhum processo para realizar a queima de energia. Além das vantagens competitivas, os benefícios proporcionados ao meio ambiente, com a redução de uso de energia e do nível de emissão de poluentes são incalculáveis.

Com o slogan "Pavimentando seus negócios com a melhor solução energética do mercado", a Ultragaz irá apresentar o UltraSystem, o sistema de abastecimento de Gás LP a granel, o primeiro a ser lançado no Brasil. Inovador, ele foi desenvolvido especialmente para atender clientes comerciais, industriais e condomínios residenciais, nos quais o abastecimento é feito por caminhões diretamente para grandes cilindros ou tanques estacionários. Segundo a empresa, a solução oferece vantagens como automatização do sistema de combustão, maior controle do processo (temperatura e umidade da mistura), além de redução do impacto ambiental com baixas emissões de poluentes, o que possibilita a obtenção de ISO 14.000.

Também a Nacional Gás vai mostrar na feira as vantagens da utilização do GLP como alternativa energética. O estande contará com a presença de especialistas que abordarão os benefícios da conversão.

De fábrica
A tendência é tão forte que vários fabricantes de usinas já disponibilizam para os clientes a opção de o equipamento sair de fábrica convertido para utilização de gás, tanto LP quanto natural. Esse é o caso, por exemplo, da Ciber Equipamento Rodoviários, que oferece a usina UACF iNova 1200 P1 (foto) já preparada para a utilização dessa opção energética.

Serviço
Brazil Road Expo 2013 – 3ª edição
Data: 19 a 21 de março de 2013
Horário de exposição: 11h – 20h
Horário do congresso: 09h – 18h
Local: Transamérica Expo Center
Endereço: Av. Dr. Mário Villas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro – São Paulo
Mais informações: www.brazilroadexpo.com.br

Informações à imprensa:
M.Free Comunicação
Tel: (11) 3171-2024
imprensa@brazilroadexpo.com.br
Claudia Reis, Roberta Provatti, Marcio Freitas

Voltar